Há uma grande diferença entre praticar uma religião e experimentar um relacionamento com Deus. Há uma grande diferença entre religião e salvação. Há muitas religiões, mas um só Deus e um só Evangelho. Religião vem dos homens; "O Evangelho é o poder de Deus para a salvação por meio de Jesus Cristo". Religião é o ópio do povo; Salvação é presente de Deus ao homem perdido. Religião é história do homem pecador que precisa fazer alguma coisa para o seu deus imaginado. O Evangelho nos diz o que o Deus Santo fez pelo homem pecador. Religião procura um deus; O Evangelho é a Boa Nova de que Jesus Cristo procura o homem que se encontra no caminho errado. "Porque o Filho do Homem veio salvar o que se havia perdido" (Mateus 18:11). O Evangelho muda o ser humano por dentro por meio da presença do Espírito Santo de Deus em seu coração. Nenhuma religião tem um salvador ressuscitado, que perdoa os pecados e dá vida eterna, pois só Jesus Cristo venceu a morte. Por isso, dirija-se só a Jesus Cristo. Ele é o único que pode perdoar os seus pecados e lhe dar vida nova nesta vida e vida eterna no reino de Deus. "Crê no Senhor Jesus, e serás salvo" (Atos 16:31). "E o sangue de Jesus , Seu Filho, nos purifica de todo o pecado" (I João 1:7). Receba a Jesus AGORA em seu coração como seu Salvador e como único Senhor de sua vida. "Hoje, se ouvirdes a sua voz, não endureçais os vossos corações"; "Hoje é o dia da Salvação". E depois de aceitar a Cristo Ele diz: "Se me amais, guardai os meus mandamentos" (João 14:15). "Se guardardes os meus mandamentos, permanecereis no meu amor; do mesmo modo que eu tenho guardado os mandamentos de meu Pai, e permaneço no seu amor" (João 15:10). "Aquele que tem os meus mandamentos e os guarda esse é o que me ama; e aquele que me ama será amado de meu Pai, e eu o amarei, e me manifestarei a ele" (João 14:21).

Pesquisa personalizada

Ouça Estudos da Bíblia Agora:

Ouça Áudio Livro Caminho a Cristo!

Estude a Palavra de Deus Agora!

Estude a Palavra de Deus Agora!
Cursos e Estudos Bíblicos Gratuítos

terça-feira, maio 29, 2007

ARTIGOS DA REVISTA DIÁLOGO


Artigos:

Aagaard, Earl. (1999). As implicações morais do darwinismo. Diálogo, 11(2), 5-7.
Aagaard, Earl. (2003) Como o crente aborda as ciências. Diálogo, 15 (2), 5-7.
Agard, E. Theodore. (2000). Quão grande é seu Deus? Diálogo, 12(2), 5-6, 13.
Andreasen, Niels-Erik. (2004). Eu sei em quem tenho crido. Dialogue, 16(2), 15-17.
Aranda Fraga, Fernando. (1997). Pósmodernismo e Nova Era: as conexões sutis. Diálogo, 9(3), 10-12.
Bacchiochi, Samuele. (1995). Que Devo Vestir? Diálogo, 7(2), 16-18, 27.
Bacchiocchi, Samuele. (1996). Uma perspectiva cristã do sexo. Diálogo, 8(1), 9-11.
Bacchiocchi, Samuele. (1998). Inferno: Tormento eterno ou aniquilamento? Diálogo, 10(3), 9-12.
Badenas, Roberto. (1999). Em nome da lei! Diálogo, 11(1), 17-19, 28.
Baldwin, John T. (1996). Deus, o pardal e a jibóia esmeraldina. Diálogo, 8(3), 5-8.
Baldwin, John T. (2002). Guardas do jardim: os cristãos e o meio ambiente. Diálogo, 14(1), 8-11.
Beach, Bert B. (1997). O cristão e a política. Diálogo, 9(1), 5-6.
Beeson, Larry. (1999). A vantagem adventista. Diálogo, 11(2), 8-11.
Berecz, John M. (2000). Perdão: Uma fórmula para novos começos. Diálogo, 12(1), 5-8.
Brand, Leonard R. (1994). Pegadas nas Areias do Tempo. Diálogo, 6(2), 9-12, 33.
Brand, Leonard. (2002). Fé e ciência podem coexistir? Diálogo, 14(3), 12-14, 33.
Carbonell, Nancy J. (2000). Conversa interior: Como fazê-la funcionar. Diálogo, 12(3), 5-6, 33.
Carr, Mark F. e Winslow, Gerald R. (2002). Dieta sem carne: além da aceitação intelectual? Diálogo, 14(2), 8-11, 27.
Carstens, Jon A. (1996). Rembrandt: A jornada espiritual de um artista. Diálogo, 8(1), 16-18.
Case, Steve. (1994). Podemos Dançar? Diálogo, 6(2), 16-17, 29.
Caviness, Linda. (2004). A ligação mente-corpo: algumas descobertas recentes. Dialogue, 16(2), 11-14, 35.
Chartier, Gary. (2005). O cristão nos negócios: além da honestidade. Dialogue, 17(1), 5-8.
Clausen, Benjamin L. (1995). Pode Um Cientista Também Ser Cristão? Diálogo, 7(3), 8-10.
Coffen, Richard W. (1995). Quando Deus Derrama Lágrimas. Diálogo, 7(1), 9-11.
Coffin, Harold G. (1994). O Carvão: Como Se Originou? Diálogo, 6(1), 16-19.
Cooper, Lowell C. (2003) Perfil de uma igreja em mudança. Diálogo, 15 (1), 5-8.
Cushman, Judy. (1997). Suicídio: o que você deveria saber. Diálogo, 9(1), 7-9.
Davidson, Richard M. (1994). No Princípio: Como Interpretar Gênesis 1. Diálogo, 6(3), 9-12.
de Camargo Vieira, Ruy Carlos. (1997). Isaac Newton: cientista e teólogo. Diálogo, 9(3), 7-9.
de Groot, Mart. (1998). O Modelo do Big Bang: Uma avaliação. Diálogo, 10(1), 9-12.
de Groot, Mart. (1999). Ciência e religião: Em busca de um alvo comum? Diálogo, 11(3), 9-12.
de Groot, Mart. (2005). Gênesis e o cosmos: um quadro unificado? Dialogue, 17(1), 15-17.
Douglas, Walter. (2001). Ele tinha compaixão deles: A atitude de Cristo para com os pobres. Diálogo, 13(2), 15-17.
Douglass, Herbert E. (1998). Ellen White e a Teologia Adventista. Diálogo, 10(1), 13-15, 19.
Doukhan, Jacques B. (1996). A sinagoga e a igreja. Diálogo, 8(2), 15-17.
Doukhan, Lilianne. (2003) Como adoraremos? Diálogo, 15 (3), 17-19.
Dudley, Roger e Peggy . (2002). Como conversar com quem você ama. Diálogo, 14(3), 5-8.
du Preez, Ron. (2001). Deveríamos sempre dizer a verdade, mesmo com risco de vida? Diálogo, 13(2), 5-7.
Dybdahl, Jon. (1995). Há Esperança para os Não- Evangelizados? Diálogo, 7(1), 16-17, 29.
Dyjack, David e Angela Bennett Dyjack. (2000). Meio ambiente e os riscos à saúde. Diálogo, 12(3), 14-17.
Ekkens, David. (1994). Animais e Seres Humanos: São Eles Iguais? Diálogo, 6(3), 5-8.
Esperante, Raúl. (2004). Tempo, fé e fósseis de baleias. Dialogue, 16(2), 5-7.
Ford, Dwain L. (1996). “Você nunca completará seus estudos de pósgraduação”. Diálogo, 8(3), 16-18.
Francis, Joan. (1994). Guilherme Miller: o Homem Atrás da História de 1844. Diálogo, 6(3), 13-16.
Garcia-Marenko, Emílio e Ada. (1994). Preparandose para um Casamento Feliz. Diálogo, 6(2), 5-8.
Gashugi, Leonard K. (2000). Nem tudo está à venda: Uma perspectiva bíblica sobre economia. Diálogo, 12(1), 16-19.
Gibson, L. James. (1997). Há desígnio na Natureza? Diálogo, 9(2), 5-8.
Goldstein, Clifford. (2001). A vida: Um dilema químico? Diálogo, 13(3), 5-8.
Goldstein, Clifford. (2004). Pode a realidade ser entendida sem Deus? Dialogue, 16(2), 8-10, 17.
Gregor, Zeljko. (1997). A arqueologia e a Bíblia. Diálogo, 9(3), 13-15.
Gustin, Pat. (2000). A Janela 10/40: novas oportunidades para missões. Diálogo, 12(2), 14-17.
Haloviak, Bert. (2005). A Igreja Adventista hoje. Dialogue, 17(3), 12-14.
Handysides, Allan. (2003) HIV/AIDS: O que você deve saber. Diálogo, 15 (1), 16-18.
Javor, George T. (1997). Às vésperas da Idade do Gene. Diálogo, 9(2), 12-14.
Javor, George T. (2002). O mistério da vida. Diálogo, 14(1), 12-16.
Javor, George T. (2003) Criacionismo: Válido ainda no terceiro milênio? Diálogo, 15 (3), 10-12, 30.
Jerus, Joe. (1994). Ressurreição de Cristo: Embuste ou História? Diálogo, 6(3), 17-19, 28.
Kennedy, Elaine. (1996). A busca dos ancestrais de Adão. Diálogo, 8(1), 12-15, 34.
Kennedy, M. Elaine. (1998). Quando a crosta da Terra explode. Diálogo, 10(3), 13-16.
Kennedy, Elaine. (2001). Interpretação de dados: Conhecendo a diferença. Diálogo, 13(3), 15-19.
Kerbs, Raúl. (2002). A ética no pós-modernismo. Diálogo, 14(2), 15-17, 33.
King, Greg A. (1998). Ainda que caiam os céus. Diálogo, 10(2), 5-7, 23.
King,Greg A. (2004). Falando a verdade acerca da Verdade. Dialogue, 16(3), 5-7.
Klingbeil, Chantal J. (2002). Casamentos mistos entre adventistas. Diálogo, 14(2), 12-14.
Klingbeil, Gerald A. (2002). As pedras ainda clamam! Diálogo, 14(1), 17-19, 34.
Kootsey, J. Mailen (1996). Compreendendo como a natureza opera: a última peça do enigma? Diálogo, 8(2), 8-10.
Koranteng-Pipim, Samuel. (1995). Racismo Versus Cristianismo. Diálogo, 7(1), 12-15.
Land, Gary. (1996). O desafio do pós-modernismo. Diálogo, 8(1), 5-8.
Lee, Kyu Bong. (2001). A migração de pássaros: outra evidência de desígnio divino. Diálogo, 13(2), 8-11.
Liwidjaja-Kuntaraf, Kathleen H. (2000). Escolhas saudáveis e opções vitais. Diálogo, 12(1), 13-15, 19.
Lyakhou, Victor. (2001). Tolstoi e a Bíblia: Um relacionamento complexo. Diálogo, 13(1), 15-18.
Marshall, David. (1995). A Nova Era Não É Tão Nova. Diálogo, 7(3), 5-7.
Marshall, David. (2003) Ele ressuscitou de fato! Diálogo, 15 (3), 13-16.
Marshall, David. (2005). O cânon bíblico: uma breve análise. Dialogue, 17(1), 12-14.
Maxwell, C. Mervyn. (1997). Joseph Wolff: notável missionário. Diálogo, 9(2), 9-11.
McIver, Robert K. (2002). As quatro faces de Jesus. Diálogo, 14(3), 9-11.
McMillan, Len. (1996). As três faces do amor. Diálogo, 8(2), 5-7.
Melgosa, Julian. (1995). O Stress de Estudante: Pode Você Controlá-lo? Diálogo, 7(3), 11-14.
Merling, David. (1999). A procura da arca de Noé. Diálogo, 11(3), 5-8.
Moncrieff, Scott E. (1996). Adventistas e ficção: outra consideração. Diálogo, 8(3), 9-12.
Moon, Jerry. (1998). Mártires modernos: Fé a qualquer preço. Diálogo, 10(1), 5-8, 19.
Moyer, Bruce Campbell. (1997). Deus ama a cidade de tal maneira! Diálogo, 9(1), 14-16.
Neall, Beatrice S. (1994). Uma Segunda Análise da Batalha dos Sexos. Diálogo, 6(1), 5-8.
Nelson, Dwight K. (2002). Através da dor e além dela. Diálogo, 14(1), 5-7, 16.
Nuñez, Miguel Angel. (1999). Quando dois se tornam um: A matemática do casamento. Diálogo, 11(1), 10-12.
Núñez, Miguel Angel. (2006). Não há desculpas para a violência doméstica. Dialogue, 18(1), 15-17.
Olivares, Sérgio. (1994). Manuel Lacunza: a Conexão Adventista. Diálogo, 6(1), 12-15.
Paden, Raymond L. e Wolfer, James. (1995). Inteligência Artificial: Podem as Máquinas Pensar? Diálogo, 7(2), 9-12.
Patterson, Gary. (1998). A Igreja Adventista e um bilhão de dólares. Diálogo, 10(2), 20-23.
Pereyra, Mario. (1996). Psicologia da sociedade pósmoderna: uma perspectiva escatológica. Diálogo, 8(3), 13-15.
Pereyra, Mario. (1998). Narciso e Sansão. Diálogo, 10(1), 16-18.
Pereyra, Mario. (1999). De homo sapiens a homo videns. Diálogo, 11(3), 13-15, 19.
Pereyra, Mario. (2004). Como você reage quando ofendido? Dialogue, 16(1), 5-7.
Perrino-Walker, Céleste. (2005). Alegria: o segredo de viver contente. Dialogue, 17(2), 13-15.
Pitman, Sean D. (2005). Por que creio na Criação. Dialogue, 17(3), 9-11.
Poni, Esteban. (2004). Cuidando de sua saúde. Dialogue, 16(1), 8-10, 34.
Poni, Esteban S. e Carlos Poni. (2006). Sua saúde está em suas mãos. Dialogue, 18(1), 12-14.
Priora, Juan Carlos. (1994). Francisco Ramos Mexia. Diálogo, 6(2), 13-15.
Rasi, Humberto M. (1995). Cristãos Versus Cultura: Devíamos Amar ou Odiar o Mundo? Diálogo, 7(2), 5-8.
Rasi, Humberto M. (2003) Fé, razão e o cristão educado. Diálogo, 15 (3), 5-9, 16.
Rasi, Humberto M. (2006). Conhecendo a vontade de Deus para minha vida. Dialogue, 18(1), 5-8, 25.
Reid, G. Edward. (2004). Não se preocupe com o dinheiro! Dialogue, 16(3), 8-10.
Reid, George W. (1999). O ano 2000: Vai ele anunciar o milênio? Diálogo, 11(2), 12-15.
Reynaud, Daniel. (2002). Como escolher o que assistir. Diálogo, 14(3), 15-17.
Rice, Richard. (2000). Podemos ver sentido no sofrimento? Diálogo, 12(2), 10-13.
Robertson, Marvin L. (1994). É Realmente Importante Que Música Escolhemos Ouvir? Diálogo, 6(1), 9-11.
Rode, Daniel Julio. (2001). Por que algumas igrejas crescem e outras não? Diálogo, 13(1), 12-14, 35.
Rodríguez, Angel Manuel. (1997). A Verdade é uma Pessoa. Diálogo, 9(3), 5-6.
Roth, Ariel A. (1998). Catastrofismo? Sim! Diálogo, 10(2), 11-15.
Roth, Ariel A. (2000). Acaso ou desígnio? Diálogo, 12(1), 9-12, 29.
Roth, Ariel A. (2003) Gênesis e a coluna geológica. Diálogo, 15 (1), 6-12.
Roth, Ariel A. (2005). A ciência descobre Deus. Dialogue, 17(2), 5-7, 15.
Rumble, Beverly. (1998). Experimentos com seres humanos: Uma perspectiva cristã. Diálogo, 10(3), 5-8.
Schwantes, Siegfried J. (1999). Deus e a história: Uma perspectiva bíblica. Diálogo, 11(1), 13-16.
Sequeira, Jean. (1999). Quem foi Maria? Diálogo, 11(3), 16-19.
Shea, William H. (1997). O Dilúvio: apenas uma catástrofe local? Diálogo, 9(1), 10-13.
Shea, William H. (2005). Em busca do túmulo da família de Noé. Dialogue, 17(3), 5-8.
Smith, Dan. (2005). Qual é o propósito da oração? Dialogue, 17(2), 8-9, 15.
Smith, Reger C. (1998). Duas culturas, um casamento. Diálogo, 10(2), 8-10.
Sorajjakool, Siroj. (2001). Ouvindo a tristeza. Diálogo, 13(3), 9-11.
Staples, Russell. (2001). Os adventistas frente ao século 21. Diálogo, 13(1), 5-7, 35.
Steger, Carlos F. (2001). Fósseis: Sua origem e significado. Diálogo, 13(1), 8-11.
Steyn, Delyse. (2005). Filtrando a mídia. Dialogue, 17(3), 15-17.
Takatohi, Urias Echterhoff. (2002). A busca por inteligência extraterrestre. Diálogo, 14(2), 5-7.
Terreros, Marco T. (1996). A mensagem adventista e o desafio da evolução. Diálogo, 8(2), 11-14.
Thomsen, Calvin. (2005). Seis mitos do casamento. Dialogue, 17(2), 10-12.
Timm, Alberto R. (2001). Quão Confiavel é a Bíblia? Diálogo, 13(3), 12-14.
Valenzuela, Alfonso. (2004). Casados, mas felizes. Dialogue, 16(3), 14-16.
van Bemmelen, Peter. (1998). A Bíblia: Como pode ela ser única? Diálogo, 10(3), 17-19.
Van Pelt, Nancy L. (1999). Namoro: Preparando-se para um casamento bem sucedido. Diálogo, 11(2), 20-23.
Van Pelt, Nancy L. (2000). Depois das núpcias vem o casamento. Diálogo, 12(2), 7-9, 17.
Van Pelt, Nancy L. (2001). Conversa franca sobre pureza sexual. Diálogo, 13(2), 12-14, 25.
Van Pelt, Nancy L. (2003) Esperando pelo sexo. Diálogo, 15 (1), 13-15.
Van Pelt, Nancy. (2006). O que é essa coisa chamada amor? Dialogue, 18(1), 9-11.
Viera, Juan Carlos. (1995). Avanço Adventista na América Latina. Diálogo, 7(2), 13-15.
Vyhmeister, Nancy. (2004). Jesus Cristo: Mito ou história? Dialogue, 16(1), 11-13.
Walters, James W. (1979). É Koko uma pessoa? Diálogo, 9(2), 15-17, 34.
Ward, Ewan e Hancock, Marty. (2003) Planejamento inteligente: Desafio da bioquímica à evolução darwinista? Diálogo, 15 (2), 11-14, 17.
Weiss, Herold. (1995). Liberdade e Nacionalismo: Uma Perspectiva Paulina. Diálogo, 7(3), 15-17.
Whidden, Woodrow W. (2004). A Trindade: por que é importante? Dialogue, 16(3), 11-13.
Williams, DeWitt S. (2003) O fator amizade. Diálogo, 15 (2), 15-17.
Winslow, Gerald R. (1995). Cristãos e a Bioética: Pode a Bíblia nos Ajudar? Diálogo, 7(1), 5-8.
Wohlberg, Steve. (2003) Left Behind é bíblico? Diálogo, 15 (2), 8-10.
Wohlberg, Steve. (2005). Harry Potter: divertimento inocente ou instrumento destrutivo? Dialogue, 17(1), 9-11.
Zhigankov, Oleg. (2000). Antes do seu tempo? A Reforma religiosa do século 15 na Rússia. Diálogo, 12(3), 10-13.
Zuccarelli, Anthony J. e Gerald R. Winslow. (1999). À nossa própria imagem? A ética e a clonagem humana. Diálogo, 11(1), 5-9.
Zuill, Henry. (2000). Ecologia, biodiversidade e criação: Um enfoque estrutural. Diálogo, 12(3), 7-9, 32.

Nenhum comentário:

Pesquisa personalizada