Há uma grande diferença entre praticar uma religião e experimentar um relacionamento com Deus. Há uma grande diferença entre religião e salvação. Há muitas religiões, mas um só Deus e um só Evangelho. Religião vem dos homens; "O Evangelho é o poder de Deus para a salvação por meio de Jesus Cristo". Religião é o ópio do povo; Salvação é presente de Deus ao homem perdido. Religião é história do homem pecador que precisa fazer alguma coisa para o seu deus imaginado. O Evangelho nos diz o que o Deus Santo fez pelo homem pecador. Religião procura um deus; O Evangelho é a Boa Nova de que Jesus Cristo procura o homem que se encontra no caminho errado. "Porque o Filho do Homem veio salvar o que se havia perdido" (Mateus 18:11). O Evangelho muda o ser humano por dentro por meio da presença do Espírito Santo de Deus em seu coração. Nenhuma religião tem um salvador ressuscitado, que perdoa os pecados e dá vida eterna, pois só Jesus Cristo venceu a morte. Por isso, dirija-se só a Jesus Cristo. Ele é o único que pode perdoar os seus pecados e lhe dar vida nova nesta vida e vida eterna no reino de Deus. "Crê no Senhor Jesus, e serás salvo" (Atos 16:31). "E o sangue de Jesus , Seu Filho, nos purifica de todo o pecado" (I João 1:7). Receba a Jesus AGORA em seu coração como seu Salvador e como único Senhor de sua vida. "Hoje, se ouvirdes a sua voz, não endureçais os vossos corações"; "Hoje é o dia da Salvação". E depois de aceitar a Cristo Ele diz: "Se me amais, guardai os meus mandamentos" (João 14:15). "Se guardardes os meus mandamentos, permanecereis no meu amor; do mesmo modo que eu tenho guardado os mandamentos de meu Pai, e permaneço no seu amor" (João 15:10). "Aquele que tem os meus mandamentos e os guarda esse é o que me ama; e aquele que me ama será amado de meu Pai, e eu o amarei, e me manifestarei a ele" (João 14:21).

Pesquisa personalizada

Ouça Estudos da Bíblia Agora:

Ouça Áudio Livro Caminho a Cristo!

Estude a Palavra de Deus Agora!

Estude a Palavra de Deus Agora!
Cursos e Estudos Bíblicos Gratuítos

sexta-feira, junho 10, 2016

Livro O Grande Conflito - Em PDF - Ellen G White


Descubra As Profecias e Os Eventos Finais Antes da Volta de Jesus Em Poder e Glória


Estudo adicional



Jesus disse: “Em verdade vos digo que não passará esta geração sem que tudo isto aconteça” (v. 34). Essa passagem tem gerado confusão porque, obviamente, todas essas coisas não ocorreram numa única geração temporal. O Dr. Richard Lehmann diz que a palavra grega traduzida como “geração” corresponde à palavra hebraica dôr, que muitas vezes é usada para designar um grupo ou uma classe de pessoas, como “geração obstinada e rebelde” (Sl 78:8). Assim, Jesus não estava usando a palavra para designar tempo ou data, mas sim a classe de pessoas más a quem Ele havia Se referido. “Em harmonia com esse emprego do Antigo Testamento, Jesus teria utilizado a expressão ‘esta geração’ sem um significado temporal, para se referir a uma classe de pessoas. A geração má deverá incluir todos os que compartilham características malignas (Mt 12:39; 16:4; Mc 8:38; Tratado de Teologia. Tatuí, SP: Casa Publicadora Brasileira, 2013; p. 1.000).” Em outras palavras, o mal continuará até o fim dos tempos, até Jesus voltar.


Saiba Mais Em:
Estudo adicional

quinta-feira, junho 09, 2016

Manter-se Vigilante

A segunda vinda de Jesus é o clímax de todas as esperanças cristãs; é o cumprimento
de tudo o que foi prometido. Sem ela, o que restaria? Apodreceríamos na terra após a morte. Sem a segunda vinda e tudo aquilo que ela abrange, tudo o mais a respeito da nossa fé se torna uma mentira, uma farsa, como os críticos e os oponentes têm afirmado contra ela.
Então, não é de admirar que, numa ansiosa expectativa da volta de Cristo, alguns cristãos tenham marcado datas para ela. Afinal de contas, tanta coisa depende  desse evento! Evidentemente, como sabemos, todas as datas marcadas no passado para a volta de Cristo estavam erradas.

6. De que maneira Mateus 24:36, 42 explica por que os marcadores de datas não acertam?
Precisamente pelo fato de não sabermos quando Cristo virá, somos exortados a estar prontos e vigiar.
7. Leia Mateus 24:42-51. O que Jesus estava dizendo a respeito do que significa vigiar e estar prontos para a segunda vinda?
Jesus foi claro: não sabemos quando Ele vai voltar. Na verdade, Ele vai voltar quando não estivermos esperando. Portanto, precisamos estar sempre prontos para quando Ele, de fato, vier. Precisamos viver como se Ele pudesse chegar a qualquer momento, mesmo que não saibamos quando. A ideia de que “Ele vai demorar e que, portanto, posso fazer o que meu coração desejar”, é precisamente a atitude contra a qual Jesus advertiu. Devemos procurar ser fiéis porque amamos o Senhor e desejamos fazer o que é certo por causa dEle, a despeito de quando Ele virá. Além disso, tendo em vista todas as passagens que advertem a respeito do juízo, especialmente contra os que tratam mal os outros, o tempo da segunda vinda, na verdade, não importa. Mais cedo ou mais tarde, o juízo virá.
Como adventistas do sétimo dia que creem há muito tempo na vinda de Cristo, como podemos nos certificar de que não cometeremos o mesmo erro do “servo mau”, mesmo que de maneira sutil?
Saiba Mais Em:

Livro: Caminho a Cristo


Livro: História da Redenção


quarta-feira, junho 08, 2016

Meditação Matinal: Uma Mensagem de Fé Para Cada Dia do Ano


A Segunda Vinda de Jesus


A resposta de Jesus em Mateus 24 foi a respeito do sinal da Sua vinda (v. 3, NVI), isto é, a vinda de Cristo para reinar.

4. Que outra advertência Jesus deu no contexto de eventos anteriores à Sua vinda? Como isso tem sido visto ao longo da História? Mt 24:23-26
Ali estava Jesus, que, segundo a perspectiva mundana, não passava de um pregador galileu itinerante com poucos seguidores. Porém, Ele predisse que muitos surgiriam em Seu nome, afirmando ser Ele. É claro que isso é exatamente o que tem acontecido ao longo dos séculos e mesmo em nossos dias, o que nos dá evidências poderosas da veracidade da Palavra de Deus. 

5. Leia Mateus 24:27-31. Como a segunda vinda de Jesus foi descrita? O que aconteceria quando Ele voltasse?
Após advertir que surgiriam muitos afirmando ser o Cristo, Jesus descreveu como realmente seria Sua vinda.
Em primeiro lugar, a segunda vinda de Jesus será pessoal e literal. O próprio Jesus voltará à Terra. A declaração de que “o próprio Senhor descerá do Céu” (1Ts 4:16) é uma óbvia refutação para aqueles que afirmam que a volta de Cristo é um ideal, ou simplesmente uma nova era na história humana. Sua vinda será visível, como o relâmpago que cruza o céu. “Todo olho O verá” (Ap 1:7). A figura da trombeta revela que Sua vinda será audível, num volume alto o suficiente para acordar até os mortos! E, o mais importante: se a primeira vinda foi em humilhação, na segunda Jesus virá como Rei triunfante (Ap 19:16), vitorioso sobre todos os Seus (e os nossos) inimigos (1Co 15:25).
Num momento de tanto tumulto e incerteza a respeito do futuro, como podemos aprender a
extrair forças e esperança da promessa da segunda vinda?

Saiba Mais Em:

Pesquisa personalizada